Cohab do Cabo ganhará área de esporte e lazer

As obras do complexo de esporte, lazer e cultura estão na fase inicial

O terreno em frente à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Cohab, bairro do Cabo de Santo Agostinho, vai abrigar um complexo de esporte, lazer e cultura. As obras estão na fase inicial, começaram há menos de um mês. Às margens da PE-60, apenas o matagal foi cortado e os operários ainda montam os barracões que servirão de ponto de apoio durante os trabalhos. Num prazo de 210 dias, a prefeitura promete entregar aos moradores do município o espaço denominado Praça da Juventude.

De acordo com o projeto arquitetônico, numa área de pouco mais de 9 mil metros quadrados, serão construídos um anfiteatro, um campo de futebol soçaite, uma pista de cooper de 850 metros, uma pista de skate, duas quadras (uma de vôlei de praia e outra poliesportiva coberta), área para a prática de ginástica semelhante às Academias da Cidade e uma fonte luminosa, além de um pequeno estacionamento, com capacidade para 20 veículos.

O secretário-executivo de Obras Públicas do Cabo, Osman Beltrão, ressaltou a qualidade do projeto. “A Praça da Juventude possibilitará o fortalecimento das ações para jovens em situações de vulnerabilidade social e mais qualidade de vida dos cabenses”, avaliou.

O complexo de esporte, lazer e cultura vai beneficiar aproximadamente 25 mil moradores da Cohab e da Cidade Garapu, de acordo com estimativa da prefeitura, e custará aproximadamente R$ 3,2 milhões. O dinheiro será dos cofres do município.

Na semana passada, o JC visitou a área que será transformada em canteiro de obras. Por enquanto, apenas cerca de 20 homens e duas retroescavadeiras trabalham no local. O engenheiro civil e fiscal da prefeitura Paulo Alves Filho assegura que, quando as obras estiverem aceleradas, serão 50 operários, além de mais duas máquinas pesadas.

“Ainda estamos no início. Como o terreno não é plano, será uma obra complexa, com terraplenagem e aterro”, afirmou.

O trabalho começou no último dia 29. A Plínio Cavalcanti & Cia Ltda. é a empresa responsável. Embora ainda esteja no início, o engenheiro avisa que o serviço pode não ser concluído no prazo fixado. “A previsão inicial é para julho de 2012 (sete meses de obras). Mas pode ser que demore mais um mês ou dois”, adiantou.

Fonte: Jornal do Commercio – Cidades

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s